Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

De Cabeça no Ar

"Sou uma parte de tudo aquilo que encontrei no meu caminho..." - Alfred Tennyson. Acho que fica sempre bem uma frase assim mais profunda. Dá outra pinta.

De Cabeça no Ar

"Sou uma parte de tudo aquilo que encontrei no meu caminho..." - Alfred Tennyson. Acho que fica sempre bem uma frase assim mais profunda. Dá outra pinta.

100% DOS DIVÓRCIOS COMEÇAM COM O CASAMENTO

A faixa etária dos 29 aos 31 é a fase dos casamentos. Os colegas da universidade casam [até aqueles que pensámos que ficariam no celibato para sempre! ruim, eu sei], os colegas da catequese, os do clube de Ténis, os da natação, os do liceu, os que andavam sempre na biblioteca,....

 

Mas tu não. Tu és uma mulher livre e independente. Ou pelo menos é o que dizes pra te convenceres de que, estar nos 30 e não haver perspectivas de casamento nas próximas décadas, faz de ti uma mulher inteligente e que sabe o que quer. Ou então faz de ti uma bruxa malvada e mal-humorada que não deixa ninguém aproximar-se e vai morrer sozinha debaixo de uma pilha de embalagens de comida pré-feita .

 

Mas depois existe a faixa etária dos 35 aos 37 que é a fase do divórcio. Em que as pessoas já não estão pra se aturarem umas às outras e acham que 5 anos de casamento é mais do que suficiente e que esta união nunca vai durar, e o homem nunca vai baixar a tampa da sanita e a mulher vai sempre comprar mais um par de sapatos, por isso mais vale mandar a relação cos porcos e ir procurar um(a) parceiro(a) uns 10 anos mais novo(a) e que ao fim de 3 meses descobrem que anda a saltar pra cima da emprega lá de casa. É que isto de comunicar, tentar resolver os problemas e lutar pela pessoa que nos podia fazer companhia num pôr-do-sol daqui por 40 anos, enquanto nos entrega uma caneca de chá e nos faz festinhas na cara, dá trabalho....é mais fácil desistir.

23 comentários

Comentar post

Pág. 1/2