Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

De Cabeça no Ar

"Sou uma parte de tudo aquilo que encontrei no meu caminho..." - Alfred Tennyson.

De Cabeça no Ar

"Sou uma parte de tudo aquilo que encontrei no meu caminho..." - Alfred Tennyson.

Testes em animais? Não, obrigada...

 

Sou fã da Yves Rocher desde pequenina. Inclusive este Natal fiquei super contente com um bálsamo de clementina e especiarias que me ofereceram. Toda eu era vaidade. Até há uns dias em que descobri que a Yves Rocher (assim como muitas outras) faz testes em animais.

 

Preocupo-me bastante com a reciclagem, com o meio-ambiente e sempre que posso, tento evitar produtos que façam testes em animais. Por isso foi um choque para mim descobrir que uma marca que adoro, faz este tipo de atrocidades.

 

Fui procurar então quais eram as marcas cruelty free para fazer uma escolha mais consciente, quer a nível de cosméticos, quer a nível de limpezas de casa.

 

Se por acaso alguém já estava a pensar oferecer-me o kit completo de clementina e especiarias para o próximo Natal, podem trocar por chocolates. Vou agradecer à mesma 💝

 

“Sê a mudança que queres ver no Mundo” - Gandhi

Mulher enjoada = gravidez

Segundo o Google, se uma mulher sente enjoos, está automaticamente grávida. Um homem pode sentir-se enjoado. Pode ter sido alguma coisa que comeu ou podem ter sido as proteínas que lhe caíram mal. Mas uma mulher não pode sentir-se enjoada sem levar com a pergunta da praxe: "Estás grávida?".

 

E se resolvermos procurar os sintomas da gravidez? De repente sentimos as cólicas, a dor nas mamas, as náuseas e os vómitos ficam mais acentuados, lembramos da prisão de ventre de há uma semana atrás, sentimos a barriga inchada, senti-mo-nos mais cansadas, temos desejos alimentares estranhos (apesar de também os termos quando estamos na TPM), gases, tonturas, variações de humor, dor de cabeça...enfim, fazemos check na lista toda!

 

Mas a gravidez passa assim que descobres que os enjoos foram provocados por aquela baba de camelo estranha que comeste no almoço de sábado...

Ser adulto é chato

Ninguém me disse que ser adulto implicava trabalhar, pelo menos, 40h por semana e com jeito, num ambiente que te sugue a energia e a motivação. Ninguém me contou que trabalhar na área que gostamos e ganhar razoavelmente bem, era um sonho só pra quem tem o factor C unha. Ninguém me avisou que havia responsabilidades e facturas pra pagar. Ninguém me disse que ia ficar cheia de rugas de expressão. Ninguém me avisou que nunca ia juntar dinheiro suficiente pra comprar uma casa por causa da quantidade de impostos que servem pra nada e das taxas absurdas dos Bancos pra fazerem nenhum e da quantidade de "papantes" a viver à custa da Segurança Social. Ninguém me disse que tinha prazo de validade pra ser mãe. Ninguém me contou que pra ser adulto tinha que ter os pés assentes na terra e deixar de sonhar. Ninguém me avisou que comer Chocapic era de criança. Ninguém me disse que o meu metabolismo muda e que chega a um ponto que qualquer coisa te provoca gases...

 

Recuso-me a ser adulta! Não quero!

c2d558e56e664a9c5a095463ba417db2.jpg

 

Anda tudo perdido...

Perdeu-se o amor. Perdeu-se a felicidade. Perdeu-se a chama. Perdeu-se a paciência.

 

Já não há passeios ao luar. Nem cavalheirismo. Nem graciosidade. Nem cumplicidade. Nem respeito. As pessoas já não se aturam uma vida toda. Desistem. Desistem dos filhos, desistem dos pais, desistem dos maridos, das esposas, desistem do trabalho, desistem de si. Já não há paciência para consertar o que partiu. Se partiu, arranja-se novo. As pessoas andam chateadas, irritadas. As pessoas não falam umas com as outras. Não ficam felizes com a felicidade das outras. Já não há as chapadas no intervalo. Agora há um grupo de 10 miúdos à espera para espancarem 1. Há violência e ódio e guerras. Há dor e mágoa e rancor.

 

Falta amor. Amor por si, amor pelos outros, pelas árvores e pelos animais, pela família e pelo trabalho, pelos feriados e pelo crochet. Pelos piqueniques no parque e pelos raios de sol. Falta-nos olhar o mundo com os olhos de uma criança...

 

Felizmente, no meio de tantas notícias más, de tanta infelicidade, aparecem aqueles seres de luz que fazem com que recuperemos a fé na humanidade. Quer seja o bombeiro que deu de beber a um koala durante um incêndio, ou os polícias que deram um par de sapatos a uma velhinha que andava descalça ou até aquele casal que está junto à 70 anos e continua apaixonado. São gestos pequenos mas que fazem aquecer o coração no meio desta brutalidade em que vivemos.

 

Sê a mudança que queres ver no mundo. - Mahatma Ghandi

Skyr, cadê você?

Iogurte grego, chega pra lá que o mundo fit tem um novo amor: o Skyr.

 

E o que é isto do Skyr?

 

Apesar de estar no corredor dos iogurtes, o Skyr é um queijo islandês feito a partir de leite desnatado. É um produto cheio de proteína, cálcio e baixo em gordura.

 

O Lidl começou a vendê-lo à relativamente pouco tempo mas tem estado esgotado grande parte do tempo. Já tive a sorte de provar o natural e os de sabores (mirtilo, framboesa, morango e pêssego/maracujá). Pessoalmente, gostei mais dos sabores porque o doce que têm no fundo, ao misturar com o iogurte, fica uma delícia!

 

Posto isto, fui ontem pela milésima vez ao Lidl à procura do iogurte da moda e encontrei lá esta mensagem:

 

 

Opa, achei giro. Há gente que consegue dizer "Deixem de ser tão lambões!" duma maneira fofinha. 😂

Ai Stevia, Stevia...

O sal faz mal, a gordura faz mal, o glúten faz mal, a lactose faz mal, o açúcar faz mal....tanta coisa a fazer mal que há dias em que nem sabemos o que comer. Foi num destes "ataques" de é-desta-que-vou-ser-saudável-e-começar-uma-dieta-sem-açúcares que resolvi comprar umas pastilhas de Stevia do Aldi para substituir o açúcar no café, no galão e em mais alguma bebida onde possa usar as pastilhas.

A embalagem é prática, tem uma cor bonitinha, traz 300 pastilhas, tem 0,05kcal cada uma, é ideal para bebidas quentes e frias, é adequado a vegetarianos, é sem lactose...e por nada de dissolve nas bebidas! Já usei um par de vezes e farto-me de mexericar a bebida a ver se a pastilha desaparece, mas nota-se sempre uma bolinha branca ali a boiar no café ou no galão. Às vezes tenho que agitar tanto a bebida que tenho a impressão de ficar com braço de tenista...E no fim não me parece que a bebida fique assim tão doce.

 

Será que isto do Stevia funciona como um efeito placebo e na verdade não adoça as bebidas, ou será que o meu corpo está tão habituado ao açúcar que anda a fazer-se de esquisito agora?

 

E vocês? Que adoçantes usam por aí?

Estou apaixonada! E o nome dela é Tropicaliente

A Domino's tem uma pizza que só descobri praí há um mês mas pela qual me apaixonei. Ó! Só de pensar nela já estou a salivar! Esta pizza tem tudo aquilo que eu gosto: ananás (para a parte saudável), bacon (para a chicha) e pimentos padrón (para o toque picante)...mmmmm, alguém que me traga uma familiar para o lanche, sff!💖

 Imagem retirada daqui