Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

De Cabeça no Ar

"Sou uma parte de tudo aquilo que encontrei no meu caminho..." - Alfred Tennyson.

De Cabeça no Ar

"Sou uma parte de tudo aquilo que encontrei no meu caminho..." - Alfred Tennyson.

Colegas zen

O comboio atrasou-se 40 minutos. Corri por entre molhos de pessoas na esperança de ganhar 10segundos aqui, 15 segundos acolá. Perdi a reunião das 9h15. Abro o email e tenho respostas a questões que me deixam com mais questões. O meu cabelo está uma juba de tanto correr...e de tanto stress. Na reunião seguinte estou presente mas a rede falha constantemente e as pessoas do outro lado ouvem-me aos cortes pelo que tenho que repetir a mesma coisa 3 vezes. Stress. Raiva. Frustração. Faço um "f-----dasssss" mais para dentro para tentar aliviar alguma desta pressão e o meu colega pergunta "Então que se passa?", "-A net hoje está lenta" e ele diz..

 

"O que é preciso é ter muita calma nessa hora."

 

 

 

Bora pra Bordéus!!

Há duas semanas vieram dizer-me que agora em Agosto ia para Bordéus (Bordeaux de França) integrar um projecto durante 3 meses juntamente com outra colega.

 

Ora isto implica:

  • estadia paga;
  • viagens de ida e volta, pagas;
  • almoço e jantar pagos.

 

Basicamente uma espécie de férias com tudo pago! 

 

Ora vejam lá bem por onde vou andar a passear!

 

 

E a comida? 

 

E o vinho que é produzido na região? 

 

Não estou em mim de emoçoum! 

 

 

Só que não...

Hoje disseram-me que o cliente só quer um recurso.

Adivinhem qual é o avião que não vai despegar? 

Fez-se um lanchinho aqui no trabalho

...com direito a pãozinho, a broazinha, a queijinho, a manteiguinha, a geleiazinha de vinho, a geleiazinha nos anéis, a geleiazinha no cabelo, a queijinho no lenço, a migalhas no soutien...

 

É oficial, como que nem uma porca.

Chorando em PT-BR

Não me digam que a língua brasileira é fácil. Sim, pra vc que fica assistindo novela da Globo deve ser o máximo, mas para os outros comuns mortais que não assistem, fica difícil perceber!

Este foi o diálogo que eu tive, nos inícios, com uma colega de trabalho brasileira daquelas com sotaque mesmo cerrado:

 

Eu: "M. precisava da sua ajuda com este assunto."

 

M.: "Já feiz a sua istjimatjiva? Você coloca a variavéu a notji núli purqui a tabela mensau istóqui tein qui sê testada en disenvôuvimentu. Aí, o outjiputji da tabela tein qui sê iguau aus resultadus qui istão no eqsseu. Si não istjiver iguau você tein qui entrá no gaídji e ver para cada uma dais tabelas temporárias, o qui é qui istá si perdendo. Pécebeu?"

 

 Fonte:GIFsec